Jeferson Pinow Zaminhan Lidera o 5-handed final no High Rollers

Cheio de estrangeiros no field, o BSOP Millions teve mais um campeão que não fala português. A bandeira que foi ao topo no Pot-Limit Omaha Five Cards foi a do Peru com o título do jogador regular Juan Mendoza. Ele não deu chance para a concorrência qualificada do torneio e foi o grande campeão para levar um prêmio de R$ 64.820.

Mendoza bateu um field de 262 entradas para levar a cravada e a felicidade estava estampada no rosto do simpático jogador peruano. “Significa muito para mim, eu passei por muita coisa, estou jogando faz 15 anos agora e isso foi definitivamente foi a recompensa”, falou o vencedor.

Ele falou sobre a modalidade, uma moda recente no Brasil e em outros cantos do mundo. “É um jogo novo, um jogo difícil, definitivamente no Brasil é onde está o melhor nível de jogo de PLO5, na América do Sul com certeza. Tem vários bons jogadores no field, especialmente na mesa final. Eu prefiro e jogo melhor o PLO Hi/Lo, mas esse é um jogo legal também”, disse Juan.

Ele está bastante acostumado a jogar grandes circuitos de poker, pois morou por um longo tempo nos Estados Unidos. “Eu morei durante 20 anos, eu jogava a WSOP Circuit, mas voltei para o Peru faz três anos, agora eu me casei”, explica.

LEIA MAIS: Em rara entrevista, Rodrigo Seiji fala de ano de muito trabalho e crescimento do 9Tales: “mudança de paradigma”

A mesa final do PLO5 contou com alguns jogadores acostumados a mesas finais, como Paulo Gini, eliminado em quinto, e José Roberto Arenstein, eliminado em terceiro em sua terceira mesa final nesta etapa, conquistando o segundo troféu. O heads-up foi contra o regular Fábio Cavalcante, um especialista de Omaha também no online.

Juan também falou sobre o crescimento do poker peruano e apontou os melhores jogadores de seu país. “Diego Ventura é com certeza o melhor jogador Peru e temos caras como Diego Cuellar, Julio Chia, eles são muito bons, estudam muito, trabalham demais. São os melhores”. Por fim, ele também elogiou bastante a experiência no BSOP Millions.

“É um evento incrível. É tão bom quanto a WSOP, muito bem organizado. É um belo país, país grande, então tem fields grandes, eu amei o evento, com certeza eu voltarei”, finaliza o campeão.

Confira a premiação dos finalistas:

1º – Juan Mendoza – R$ 64.820

2º – Fábio Cavalcante – R$ 43.100

3º – José Roberto Arenstein – R$ 31.250

4º – Carlos Ferreira – R$ 25.410

5º – Paulo Gini – R$ 19.950

6º – Leonardo Aguiar – R$ 15.100

7º – Bruno Boldrini – R$ 11.090

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio do Depois do River #22:

Author: admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *