André Luís Berlanda consegue virada emblemática no heads-up e é o grande campeão do Main Event do BSOP Millions 2021

O Main Event do BSOP Millions de 2021 terminou com uma história memorável. André Luís Berlanda, o “99Palanke” do online, foi o grande campeão do torneio com uma virada de cinema no heads-up contra Maurício de Farias. Assim, ele superou o field de 4.115 entradas do torneio para eternizar seu nome no poker brasileiro.

A épica trajetória rendeu o prêmio máximo de R$ 1.500.000 para o jogador da pequena cidade de Colombo, Santa Catarina, além do bracelete de campeão do BSOP e um belíssimo troféu. Dono de uma carreira consolidada e há muitos anos na estrada, o campeão mal encontrava palavras para resumir a felicidade. “É a cereja do bolo com certeza. Não sei nem explicar”, disse.

O heads-up foi uma espécie de Grenal com duas torcidas bem barulhentas. André Luís, torcedor do Grêmio, contra Maurício, até trajado com o casaco do Internacional. Em um dia complicado que deixou o Tricolor Gaúcho praticamente rebaixado, o campeão do BSOP Millions teve que aguentar muitas provocações da galera do 4bet Team durante todo o duelo final.

LEIA MAIS: BSOP Millions: Jeferson Zaminhan faz acordo com Marco Aurélio “Salsicha” e é bicampeão do High Roller

“Por vezes me parecia estar derrotado, mas eu não queria representar. O Maurício tentava me intimidar me olhando, mas eu ficava tranquilo. Uma ficha e uma cadeira, né?, disse o campeão. Ele contou que levou as provocações da melhor forma possível. “Eu tava quietinho ali porque tinha muito Colorado”, revelou.

“Eu pensei ‘meu Deus, será que eles vão descobrir que eu sou gremista?’ e descobriram mesmo. Foi engraçado, não levei nada a mal, eu preferi curtir porque eu focava no jogo. Se eu ficasse nervoso eu talvez teria me descontrolado”, relata.

Assim que formado, o heads-up entre os dois estava praticamente empatado, mas Maurício conseguiu impor um bom ritmo para abrir distância, tirando fichas de Berlanda com bastante autoridade. O catarinense não conseguia reagir e a diferença chegou a ficar um verdadeiro abismo de cerca de 116.000.000 contra apenas 7.000.000. Sobraram apenas três blinds no pior momento.

LEIA MAIS: Marcelo Dutra vive sequência de acontecimentos no BSOP Millions e forra alto com Last Longer: “foi maravilhoso”

“Quando eu tava com três blinds tava difícil. Meio que já contava com o segundo lugar”, falou o 99Palanke. A reação foi insana. Foram sete all in e calls até o título, sendo que dois ainda terminaram em split pot. Teve Q5 contra AT, K6 contra Q9, A6 contra A3 e um decisivo flip de JT contra 55 para finalmente empatar o jogo.

“Eu tive certeza que ia ganhar quando ganhei o JT contra 55. Eu falei para ele, ‘acabou para ti’”, emendou o catarinense. A mão da virada emblemática aconteceu depois do flop 862. Com top pair com 83, Berlanda segurou as duas pontas e a over card do 97 do jogador do 4bet Team para explodir em alegria com sua torcida. O turn 2 e o river 6 deram encerraram o Main Event BSOP Millions.

Como foi a mesa final antes do heads-up

A configuração dos stacks mudou rapidamente na mesa final. Por exemplo, Bernardo Soares, o short stack, dobrou em cima de João Bauer, o penúltimo em fichas, logo de cara. A mesa final foi animada desde o início e muitos potes foram acontecendo, alterando a dinâmica e mexendo constantemente no chip count.

A primeira baixa da decisão foi a eliminação do jovem Rafael Croce. Único recreativo da FT, o jogador de 18 anos tinha broca e flush draw, mas não conseguiu bater o AA de Bernardo Soaeres. Depois de um tempo, Murilo Fidelis se despediu do torneio quando estava short stack ao levar uma bad beat com KK para o A6 de Maurício de Farias. Um A apareceu no flop.

LEIA MAIS: Kelvin Kerber faz balanço do ano, analisa o futuro do live e fala da forra surpresa pelo celular no lobby do hotel: “único”

O 7-handed foi um pouco mais longo e teve a mão mais insana da mesa final. Um cooler enorme entre Alen Fillipi e Maurício terminou com uma bad beat milagrosa do gaúcho de QQ contra KK do alagoano. Uma Q no river deixou o regular do 4bet Team gigantesco e pronto para alcançar o heads-up.

Ele se tornou o protagonista e foi limpando a mesa final, como fez ao tirar Bernardo Soares, em sexto, e João Pedro Sant’Ana, em quinto. Sólido, André Luís Berlanda teve uma mão bem crucial ao tirar Cairo Kadre num blind war de K4 contra A8. O board foi 3QK24.

A medalha de bronze ficou com João Bauer. Em sua quarta mesa final de Main Event, o goiano não conseguiu mudar o cenário quando era short stack e caiu para o futuro campeão num all in pré-flop de 88 contra A6.

Confira as premiações dos finalistas do Main Event do BSOP Millions:

1º – André Luís Berlanda (Quilombo/SC) – R$ 1.500.000

2º – Maurício de Farias (Porto Alegre/RS) – R$ 860.000

3º – João Bauer (Goiânia/GO) – R$ 570.000

4º – Cairo Kadre (Florianópolis/SC) – R$ 490.000

5º – João Pedro Sant’Ana (São Paulo/SP) – R$ 400.000

6º – Bernardo Soares (Salvador/BA) – R$ 291.000

7º – Alen Fillipi Alencar (União dos Palmeiras/AL) – R$ 233.000

8º – Murilo Fidelis do Nascimento (Ituverava/SP) – R$ 163.000

9º – Rafael Croce (Jaú/SP) – R$ 145.000

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio do Depois do River #22:

Author: admin

Leave a Reply

Your email address will not be published.