Ben Diebold encerra reinado histórico e crava o Evento #10

Desde 2011, a WSOP também tem um lado muito divertido fora das mesas: a disputa do “Fantasy” entre determinados jogadores conhecidos do circuito. A brincadeira é uma espécie de Cartola FC do poker. Agora, os brasileiros também criaram uma versão “nossa” e a escolha dos times foi feita nesta quarta-feira (08) em transmissão ao vivo na MundoTV.

A ideia uniu 10 grupos diferentes e cada um desembolsou US$ 2.000 pela participação. Times de poker conhecidos do país estão concorrendo: 4bet Team, Samba Team, Aldeia Team, Midas Poker Team, Step Team, NeTTeam e PokerLAB. O Blue Group, DRX Group e o 9Tales também embarcaram na disputa.

Cada grupo teve um selecionador e todos estavam ao vivo na transmissão da MundoTV. Foram eles: Thiago Crema (4bet), Kelvin Kerber (Samba), Álvaro Pinheiro (Aldeia), Caio Almeida (Midas), Leocir Carneiro (Step), Renan Bruschi (NeTTeam), João Pedro (PokerLAB), Brenno Lenzi (DRX), João Paulo Arantes (Blue) e Pedro Garagnani (9Tales).

Confira o Draft do Fantasy finalizado:

Saiba como foi:

O “Draft” foi uma espécie de leilão. Cada time participante tinha a disposição 200 “pokeretas” e a cada rodada um time oferecia um jogador com um valor a sua escolha. Quem fizesse o maior lance, levava o jogador. Teve participante que demorou para concretizar a primeira escolha. Cada um aplicou a sua estratégia, mas no início os primeiros nomes que entraram em circulação custaram caro.

João Vieira, o Naza, custou 88 para o 4bet, escolhido por Thiago Crema. Phil Hellmuth foi a primeira escolha do Blue Group e custou 65. Stephen Chidwick (68 – 9Tales), Phil Ivey (42 – Midas Team), Benny Glaser (58 – Aldeia Team), Felipe Mojave (72 – Samba Team), Dan Zack (66 – NeTTeam), Josh Arieh (40 – Step Team) e Erik Seidel (21 – PokerLab) e Scott Seiver (72 – DRX) foram as primeiras escolhas de cada time.

Cada time tinha que escolher 8 jogadores e obrigatoriamente dois brasileiros precisavam ser selecionados. Garagnani desembolsou 58,50% do seu patrimônio para ficar com Yuri Martins, seu companheiro de 9Tales. O “theNERDguy” acabou sendo o mais caro da disputa valendo 117. Renan Bruschi e Kelvin Kerber, por exemplo, “se compraram” em seus próprios times.

LEIA MAIS: Embalado atrás do bicampeonato na WSOP, Dan Smith é o bolha da FT do Evento #12 US$ 50K High Roller com quadra de rival

Luís Kamei, Pedro Padilha, Vitor Dzivielevski, Felipe Ketzer, Rafael Moraes, Thiago Crema, Fabiano Kovalski, Luciano Hollanda, Ramon Kropmanns, Tauan Naves, Rafael Reis, Lucas Tabarin e André Akkari também foram escolhidos.

A WSOP começou na semana passada, mas o Brazilian Fantasy só começa a contar os pontos em torneios iniciados nesta quarta-feira (08). Vale lembrar também que é a disputa tem caráter solidário e é no sistema “winner takes all”. O vencedor, que ganha toda a premiação, vai doar 10% do valor para uma instituição à sua escolha. Clique neste link e confira todas as regras.

Confira como foi a escolha de Yuri Martins:

Confira o episódio #12 do Poker de Boteco:

Author: admin

Leave a Reply

Your email address will not be published.