Com três jogadores, Brasil domina ranking do PocketFives em 2021

O Main Event da WSOP 2021 está prestes a começar. No entanto, você sabia que, a partir de 2007, a série mundial adotou uma versão europeia do torneio? E que o craque Phil Hellmuth é o único a vencer as duas versões?

O Mundo Poker traz para você, como foram as duas vitórias de Hellmuth, mas especificamente a da versão europeia realizada em Cannes na França em 2012, que não costuma ser tão divulgada na mídia do esporte da mente.

O craque americano que recentemente conquistou seu 16º bracelete na WSOP 2021, possui apenas uma das joias conquistada na edição fora dos Estados Unidos e, foi justamente no Main Event.

Sabemos que o surgimento da lenda aconteceu em 1989. Quando Hellmuth derrotou o field de 178 entradas em Las Vegas e impediu o tricampeonato consecutivo do também lendário Johnny Chan. Naquele ano, Phil levou US$ 755.000 pela vitória.

Ao mesmo tempo adorado e odiado no meio da comunidade, Hellmuth passou a acumular vitórias em diversos torneios, aumentando seu número de braceletes. Mas, um deles é especial. O do Main Event da WSOP Europa 2012.

LEIA MAIS: Eli Elezra lidera o 5-handed do US$ 50.000 Poker Players Championship da WSOP; Dan Cates segue na disputa

Foram 23 anos desde a épica vitória, Hellmuth viajou até Cannes na França, em busca de mais braceletes e de ser o Player Of The Year da série. Com 7 eventos, a série na cidade francesa foi um sucesso, atraindo grandes jogadores.

O evento principal teve um buy-in de € 10.450 e atraiu 420 entradas. Pra vocês terem uma ideia, o nível dos jogadores presentes era altíssimo. Nomes como Justin Bonomo, Daniel Negreanu, Bertrand Grospellier, Liv Boeree, Max Silver, Scott Seiver, Toby Lewis, estavam todos na reta final.

Phil era muito criticado na comunidade pelo seu jogo considerado “ultrapassado”. Mas, ele não se intimidou por isso e chegou à mesa final como chip leader do torneio e pode aproveitar o favoritismo das suas fichas.

Naquela mesa final, ele teve a companhia de nomes bastantes conhecidos. Joseph Cheong, Christopher Brammer “NigDawG”, Jason Mercier e Timothy Adams, eram alguns presentes na briga pelo título. Porém, esses foram eliminados antes do 3-handed.

Restavam o francês Stephane Albertini e o ucraniano Sergii Baranov no caminho da lenda. Foi um 3-handed duríssimo, Hellmuth conseguiu eliminar Albertini em um all in pré-flop de 77 X JJ, acertando um 7 no river.

O heads-up foi formado e durou pouco tempo. Em quatro mãos a disputa se encerrou. Baranov foi all in de e Phil pagou de . O board , definiu o confronto. A conquista histórica de Phil Hellmuth rendeu na época o 13º bracelete e um prêmio de € 1.022.376.

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio #22 do Depois do River:

Author: admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *