Eli Elezra é o novo membro do Hall da Fama do Poker: “muito animado”

O Brasil foi novamente muito bem representado na WSOP. No Evento #77 (US$ 1.500 Fifty Stack), que teve 1.501 entradas, após inúmeras traves do país ao longo da série, a bandeira verde e amarela finalmente subiu ao lugar mais alto do pódio. O responsável foi Paulo Joanello, que fez história e trouxe o 17º bracelete brasileiro.

Disputado em dois dias, o torneio teve o Dia Final iniciado com 114 jogadores na disputa pelo bracelete. Paulo Joanello era o 65º na contagem de fichas e teve uma missão bastante difícil até título. Ele conseguiu chegar na mesa final com apenas 24 big blinds.

O inicio foi arrasador, com uma sequência de mãos vitoriosas, o brasileiro foi aumentando seu stack, chegou ao heads-up contra o americano Toby Price e acabou sendo o campeão do torneio. Pela conquista, ele foi recompensado com a forra de US$ 321.917.

Sua jornada na mesa final foi bastante movimentada. Logo de cara, ele foi responsável pelas três primeiras eliminações. No entanto, os outros adversários foram acumulando fichas e chegaram na vantagem quando o 3-handed foi formado. O brasileiro era o short stack e necessitava dobrar.

A primeira delas foi com um tom dramático. Nos blinds 300.000 / 600.000, o americano Toby Price deu raise para 1.500.000 fichas do botão com . Segurando , Paulo Joanello foi all in de 11.800.000 no big blind e recebeu call. O flop trouxe , dando a vantagem para Price.

LEIA MAIS: Impecável, Koray Aldemir vence George Holmes em heads-up disputado e é o grande campeão do Main Event da WSOP 2021

O turn foi um , trazendo flush draw em espadas e uma broca de sequência para Joanello. Iluminado, ele conseguiu acertar um no river, que completou o seu flush e dobrou o seu stack para 24.000.000 fichas. Após alguns pequenos potes, ele assumiu a liderança com 42.000.000.

Paulo ainda foi responsável por eliminar Martin Bicanik na terceira colocação. Após um all in de 12.300.000 fichas do seu adversário, Paulo pagou com e viu o showdown de . Porém, Joanello estava acertando tudo e viu o flop , lhe dar a vantagem. Sem complicar, o turn e o river decretaram o inicio do heads-up.

Paulo começou em vantagem de 2:1, ainda assim, Toby Price foi buscar e após uma sequência de mãos, assumiu a liderança do heads-up. No entanto, o brasileiro foi buscar a igualdade e empatou a disputa. Eles permaneceram trocando vantagem durante um bom tempo.

A mão decisiva aconteceu da seguinte maneira. Nos blinds 800.000 / 1.600.000, Paulo abriu raise para 3.300.000 com , Toby Price defendeu com no big. O flop foi , Price shovou suas 15.000.000 fichas restantes e recebeu insta call do brasileiro.

O dealer revelou o turn e o river , que decretaram a vitória do brasileiro, fazendo a torcida brasileira presente no momento, explodir de felicidade. Parabéns Paulo, merecidíssimo!

Paulo Joanello com os amigos brasileiros que estiveram na torcida. (Créditos: PokerNews)

Confira a premiação final:

1º – Paulo Joanello (Brasil) – US$ 321.917

2º – Toby Price (EUA) US$ 198.970

3º – Martin Bicanik (República Checa) – US$ 146.061

4º – Ron Moisescu (Israel) – US$ 108.349

5º – Roongsak Griffeth (EUA) – US$ 81.228

6º – Axel Hallay (França) – US$ 61.550

7º – Elio Fox (EUA) – US$ 47.145

8º – David Morel (EUA) – US$ 36.508

9º – Scott Hall (EUA) – US$ 28.585

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio do Depois do River #22:

Author: admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *