Rafael Moraes e Pedro Padilha avançam no Evento #86 da WSOP

A primeira parte da mesa final do Main Event da WSOP foi um grande espetáculo para o espectador. Após iniciar com 10 jogadores, o field foi reduzido para os últimos três postulantes ao bracelete após cerca de 10 horas de jogo. Repleta de ótimos jogadores, a FT teve emoção de sobra e belas jogadas dos finalistas, como é de se esperar.

No fim da noite, os três jogadores que mantiveram o sonho vivo foram o norueguês Espen Jorstad, o australiano Adrian Attenborough e o argentino Michael Duek. O hermano é quase um “gringo”, pois reside na Flórida, nos Estados Unidos, desde pequeno. Praticamente impecável, Jorstad, que começou o Dia 8 como foi chip leader, terminou com larga vantagem na ponta.

O vencedor do bracelete do Tag Team deste ano juntou um super stack com 298.000.000 fichas, exatamente 99 big blinds. O segundo colocado é o australiano Attenborough, que viveu uma montanha-russa insana na decisão. Depois de ficar com apenas seis big blinds, ele deu a volta por cima e terminou com 149.800.000. Duek fecha o grupo com 72.100.000 fichas.

LEIA MAIS: David Diaz realiza um dos folds mais incríveis da história do Main Event da WSOP ao largar full house; confira o vídeo

“Eu sinto que eu joguei muito bem”, disse Jorstad. “Eu tive alguns spots que poderia ter jogado diferente, mas isso é o que acontece todos os dias. Eu não cometi nenhum grande erro. Digo, eu não joguei perfeitamente, mas ninguém joga. Acho que joguei o melhor que eu pude”, resumiu o chip leader.

O trio de jogadores já garantiu a forra insana de US$ 4.000.000 e eles eram só alegrias após a última eliminação da noite. O torneio retorna neste sábado, às 18 horas, com os últimos 25 minutos dos blinds 1.500.000 / 3.000.000. O grande campeão vai faturar a bagatela de US$ 10.000.000, enquanto o vice terá um prêmio de US$ 6.000.000 na conta.

Resumo

A decisão com 10 jogadores começou de maneira eletrizante. A mesa final oficial foi formada com a eliminação de Asher Conniff. O americano shovou 15 big blinds com TT e encontrou Michael Duek com AK. O coin flip acabou de maneira brutal e já no flop. O argentino acertou uma quadra no flop KKK e explodiu em comemoração com torcida com a mão já vencida.

Depois da queda de Conniff, a sensação é que ninguém iria mais ser eliminado. Foram exatamente 102 mãos, 15 all ins sem call e oito dobras de short stacks até que Matthew Su foi eliminado. Chip leader empatado com Jorstad no início do dia, ele foi all in com 88 já curto em fichas e trombou o britânico Philippe Souki com KK.

Nesse período, a configuração dos stacks mudou radicalmente. Jorstad e o croata Matija Dobric foram os maiores stacks durante o período e o croata jogou o fino exercendo muita pressão nos adversários. Depois de uma hora, John Eames eliminou o canadense Aaron Duczak ao fazer um slow play com AA e segurar o flush draw de AK do rival para uma dobra vital e valiosa.

LEIA MAIS: Phil Galfond pede punição severa e faz declarações duras sobre Ali Imsirovic e Jake Schindler: “roubaram”

O sexto colocado foi o americano Jeffrey Farmes. Ele protagonizou algumas jogadas interessantes com seu jeitão mais intuitivo do que técnico e acabou eliminado depois de flatar 22 do small blind com apenas 12 blinds. Ele viu o flop e saiu de shove. John Eames deu call com e ficou com 22 outs no turn . O river deu um counterfeit em Farmes.

O 5-handed foi bastante técnico e Michael Duek teve um bom momento ao assumir a liderança que estava nas mãos de Attenborough. Ficha pra lá, ficha para cá, a estrela de Espen Jorstad brilhou no fim para encerrar o dia. Ele ganhou um coin flip importantíssimo de AQ contra 66 para derrubar o croata Dobric e assumir a liderança no 4-handed.

Logo depois de vencer uma mão importante contra Duek e cruzar a fronteira das 200.000.000 de fichas, o norueguês recebeu KK e viu John Eames shovar AJ para tentar roubar suas fichas. Ele deu instacall e segurou depois do board JT863. Ele comemorou demais com seus amigos, assim como Duek e Attenborough. A última eliminação rendeu um pay jump de US$ 1 milhão para o trio finalista do Main Event.

Confira os stacks e os prêmios dos eliminados do Main Event:

Espen Jorstad (Noruega) – 298.000.000 – 99 big blinds

Adrian Attenborough (Austrália) – 149.800.000 – 50 big blinds

Michael Duek (Argentina) – 72.100.000 – 24 big blinds

4º – John Eames (Reino Unido) – US$ 3.000.000

5º – Matija Dobric (Croácia) – US$ 2.250.000

6º – Jeffrey Farmes (EUA) – US$ 1.750.000

7º – Aaron Duczak (Canadá) – US$ 1.350.000

8º – Philippe Souki (Reino Unido) – US$ 1.075.000

9º – Matthew Su (EUA) – US$ 850.675

10º – Asher Connif (EUA) – US$ 675.000

Confira o episódio #12 do Poker de Boteco:

Author: admin

Leave a Reply

Your email address will not be published.