Yuri Martins leva bad beat cruel com KK e cai no Evento #25 da WSOP

Depois de João Simão alcançar a primeira mesa final brasileira em um evento dessa edição da WSOP, o país segue com seus representantes buscando repetir o feito do craque mineiro. Além de Yuri Martins no Dia 3 do Evento #25, de US$ 5K, outros dois jogadores conseguiram classificações em torneios distintos.

O primeiro deles, que está já na reta final, é o profissional João Valli. O jogador, que faz um começo de WSOP bastante consistente, conseguiu avançar para o Dia 2 do Evento #26, o US$ 1K Freezout, e está entre os 38 classificados para a decisão da competição.

O torneio contou com 1.358 inscritos e somente Valli, entre os brasileiros, conseguiu passar. Ele tem 685.000 fichas, sendo o 18º melhor stack entre os sobreviventes. O chip leader é o jogador Levi Klump, que passou com 2.230.000, com uma boa vantagem na ponta da tabela.

LEIA MAIS: Thalya Vivian chama carta no momento certo e acerta runner runner no river para quebrar AA no PokerStars

Já no Evento #27, o US$ 1.5K HORSE, Felipe Mojave voltou a anotar um Dia 2. O profissional e streamer tem jogando intensamente os eventos e vem garantindo classificações em muitos deles. Dessa vez, ele precisou passar por um field de 594 jogadores até conseguir a classificação.

Ele é um dos 207 garantidos no Dia 2 da competição, com 50.500 fichas, na posição 135º da tabela. O chip leader Mark Dickstein tem 300.000 fichas. Bons nomes seguem no field, como Max Pescatori, Brian Hastings, Ari Engel, Phil Hellmuth e Shaun Deeb.

O Evento #26 da WSOPvolta às 16 horas de Brasília, sendo jogado até conhecer o campeão, que levará US$ 199.227. Já o Evento #27 recomeça às 18h e será jogado por 10 horas. O campeão deste torneio leva US$ 160.636.

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio do Depois do River #22:

Author: admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *